Aulas de Biodanza

Biodanza em Lisboa é no Restelo!

Se procuras biodanza em Lisboa ou biodanza em Oeiras, parabéns encontraste! Estamos mesmo a meio, no Restelo.

Também nos podíamos chamar biodanza, biodança ou bio dança no Restelo como muita gente nos diz.

O que importa agora é que já sabes onde nos podes encontrar e o melhor de tudo,  é que podes vir ter connosco em qualquer dia de aula para vires conhecer este maravilhoso sistema de desenvolvimento humano ao vivo!

Se já conheces, podes vir também 😉

Todas as aulas estão abertas para quem quiser conhecer, bem como para quem já conhece a biodanza.

Facilitadora Didata de Biodanza

Queres saber o preço da aula de biodanza, nós também te dizemos.

Estás à espera de quê para vires descobrir e desfrutar do melhor da tua vida, cultivando a arte de saber viver e aprender a ser feliz, sem culpa!

Para fazeres biodanza não precisas saber dançar e não existem coreografias.

Na aula de biodanza só necessitas de:

  • Roupa confortável (podes trocar de roupa nas instalações)
  • Meias antiderrapantes (dançamos descalços ou com meias)
  • Desejo de passar 2 horas animadas

Descobre aqui mais sobre as nossas aulas de biodanza.

Porque é que são importantes as aulas regulares semanais de biodanza?

A biodanza é um processo. A prática regular é fundamental no processo de mudança individual, porque promove novas formas de comunicação e vínculo afectivo, assim como novas competências, novas capacidades e acima de tudo uma nova visão da vida.

O grupo regular de biodanza é sobretudo uma matriz no qual cada participante encontra continente afectivo, e ao mesmo tempo permissão para a mudança.

Esta mudança, acima de tudo consiste num processo de transformações orgânicas, como também existenciais que se manifestam através de novas atitudes e posturas em relação à vida.

Portanto os efeitos destas mudanças estabilizam-se, perduram e integram-se mediante a participação contínua e regular nas sessões.

Todos os exercícios são concebidos para induzir novas formas de comunicação, quer para estimular a expressividade, como também para possibilitar a expressão dos potenciais genéticos que configuram a identidade de cada elemento do grupo.

Neste processo ocorre uma reeducação afectiva fundamentada na qualificação e valorização de si mesmo e dos outros seres vivos.

Os efeitos orgânicos e psicológicos configuram uma unidade entre corpo, mente e emoção, permitindo aprender a dizer não a uma vida dissociada (sentir uma coisa, pensar outra e actuar de forma diferente).

Estás à espera do quê para fazeres o teu melhor investimento, investires em ti?